Menino é agredido com relho por seu pai

Publicidade

Criança ficou com marcas nas costas, próximo ao pescoço e abdômen. Vizinha ouviu gritos e súplicas da criança, que foi espancada por ter deixado seu animal de estimação escapar do cativeiro

Praia Grande

Em Praia Grande, na terça-feira, dia 9, por volta das 10 horas, a Polícia Militar atendeu uma ocorrência de maus-tratos entre pai e filho.

Publicidade

A PM conversou com uma mulher que disse que ouviu gritos e choros, bem como súplicas de uma criança implorando para seu pai não lhe agredir.  Ao chegar na frente da casa, ela viu o autor usando um relho para agredir a criança nas costas. Após ouvir o relato da mulher, a PM foi até a casa do suspeito, chamou a criança e pediu para que levantasse a camiseta. Foi nesse momento que os policiais constaram a marca de violência na região das costas, próximo ao pescoço, assim como no abdômen. A criança disse aos policiais que apanhou do seu pai porque deixou escapar do cativeiro seu animal de estimação, um porco da Índia e que seu pai não pode ter contato com animais por causa de uma cirurgia que ele fez recentemente.

Diante dos fatos, o Conselho Tutelar do município foi acionado indo até o local, onde confeccionaram o termo de visita e advertiram a mãe, que estava trabalhando no momento dos fatos, indo ao local posteriormente. Segundo o Conselho Tutelar, caso venha a ocorrer novamente qualquer tipo de violência contra a criança, a vítima poderá ser afastada do lar.

A PM fez um boletim de ocorrência e Termo Circunstanciado em desfavor do homem, que foi compromissado a comparecer no Fórum de Santa Rosa do Sul.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui