Grupo de Jacinto Machado doa sangue no Hemosc a cada 15 dias

Para ser um doador é preciso estar em boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos e pesar mais de 50 quilos
Publicidade

Para garantir a segurança das pessoas, a doação de sangue está funcionando com hora marcada, que pode ser por telefone ou agendamento direto no site

Jacinto Machado

Em Jacinto Machado, um grupo de doadores está engajado em ajudar o próximo. A enfermeira Érica Souza, que coordena os voluntários, convida a todos do município que queiram fazer parte do grupo de doares de sangue, que entrem em contato com ela pelo telefone (48) 99830-8817 para mais informações.

Quinzenalmente, o grupo vai ao Hemosc, de Criciúma, realizar as doações. O transporte é gratuito e tem o apoio da Secretaria de Saúde Municipal.

Para garantir a segurança das pessoas, a doação de sangue está funcionando com hora marcada, que pode ser por telefone ou agendamento direto no site.

Érica explica que a demanda de pessoas interessadas ainda é baixa, mas que futuramente espera ter viagens semanais para realizar as doações. “Com a pandemia da Covid-19, as doações de sangue diminuíram. Os estoques estão, em média, 15% abaixo do nível adequado, dependendo da tipagem sanguínea, por isso é tão importante ajudar”.

Para ser um doador é preciso estar em boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos (jovens de 16 e 17 anos deverão estar acompanhados por um responsável legal) e pesar mais de 50 quilos. Não é necessário jejum, mas é recomendável uma alimentação sem gordura nas quatro horas antes da doação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui