Mulher se nega a pagar pintor de apartamento

Publicidade

Sombrio

Em Sombrio, no centro da cidade, uma discussão por causa da pintura de um apartamento acabou chegando à polícia.

Na terça-feira, 23, por volta das 15h30min, um homem relatou à Polícia Militar que realizou um serviço de pintura no apartamento, mas a proprietária, ao término do serviço, disse que não iria pagar. O homem ainda comentou que cobrou bem abaixo do valor, porque estava precisando do dinheiro.

Segundo ele, desde o início a proprietária do apartamento apresentou má fé, se negando a fazer um contrato e alegando que ele “não precisava se preocupar”, pois, ela iria pagar. O homem cobrou pelo serviço R$ 1.500,00.

A PM orientou o pintor a procurar o Juizado Especial Cível.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui