Municípios da região vacinam idosos que moram em asilos

Publicidade

Os municípios de Araranguá, Sombrio e Maracajá realizaram nesta quarta-feira, dia 20, a vacinação contra a Covid-19 em seus idosos, com 60 anos ou mais, institucionalizados

Região

Os municípios de Araranguá, Sombrio e Maracajá realizaram nesta quarta-feira, dia 20, a vacinação contra a Covid-19 em seus idosos, com 60 anos ou mais, institucionalizados. Meleiro, que também tem idosos morando em casa de repouso, iniciará a campanha nesta quinta-feira, dia 21.

Para Araranguá, foram destinadas 37 doses de Coronavac para o Lar São Vicente de Paulo, e o primeiro idoso a receber a vacina foi Gilson Garcia dos Santos, de 70 anos. O Lar do Idoso São José de Sombrio recebeu 21 doses da vacina e a primeira idosa a ser imunizada foi dona Dora. Para a casa de repouso de idosos de Maracajá foram destinadas 48 doses de Coronavac. Para o asilo de Meleiro o Estado enviou 20 doses da vacina.

Para Balneário Gaivota, não foi definida pelo Estado a quantia de vacinas destinadas ao asilo. No entanto, o município vacinará nesta quinta-feira os idosos, junto com os profissionais de saúde que atuam na linha de frente da doença.

Sombrio foi o primeiro município da região a vacinar contra o novo coronavírus, na terça-feira, logo após receber as vacinas. Na terça, a vacinação ocorreu em profissionais de Saúde.

Araranguá e Maracajá iniciaram a vacinação na quarta-feira.

Vacinação em Araranguá

Ao deixar o plantão de quarta-feira, o médico do Samu, Henrique Lenadro Bráz, de 31 anos, foi o primeiro a ser imunizado com a vacina contra a covid-19 em Araranguá. A vacina aplicada pela técnica vacinadora Silvana da Fonseca aconteceu na Unidade do Bom Pastor às 8 horas.

O município recebeu 548 doses da vacina contra SARS-COV2 SINOVAC-BUTANTAN na terça-feira. Foram vacinados os profissionais da linha de frente contra a Covid-19 da saúde municipal, em seguida os idosos abrigados.

Vacinação em Maracajá

 Emoção, gratidão e esperança são alguns dos sentimentos descritos por quem recebeu a dose da vacina contra a Covid-19. Em Maracajá, a técnica de Enfermagem, Niza da Silva Rocha, que atua na área há 15 anos, sendo 12 como vacinadora, acrescenta ainda o sentimento de responsabilidade, de exemplo para a população de Maracajá. A profissional foi a primeira pessoa a receber a vacina na manhã desta quarta, no Centro Municipal de Atendimento à Saúde. A enfermeira que realizou a aplicação na colega, foi Maika Kalinca.

O Departamento de Saúde de Maracajá está seguindo o Plano Estadual de Vacinação e na primeira etapa prioriza profissionais da saúde que atuam na linha de frente do combate a Covid-19 e pessoas de 60 anos que estão em casas asilares.

Turvo também iniciou a vacinação na quarta

Com grande emoção e debate sobre valorização da pesquisa científica, foram iniciadas as aplicações das doses recebidas da vacina contra a Covid-19, em Turvo, na manhã desta quarta-feira. A primeira profissional de saúde a ser imunizada foi a enfermeira, Adriana Rovaris, que se emocionou bastante. Para ela, foi um momento único, que marcou a vitória da ciência.

Em Araranguá, no Lar São Vicente de Paulo, e o primeiro idoso a receber a vacina foi Gilson Garcia dos Santos, de 70 anos (Foto: Portal W3)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui