Vereador Luiz da Farmácia discute a criação de “Porto Seco” em Araranguá

Publicidade

Durante a sessão de quarta, 07, na Câmara de Araranguá, o vereador, Luiz da Farmácia (PL), propôs uma discussão sobre a necessidade de criação do chamado “Porto Seco” em Araranguá, para que caminhões pesados tenham onde deixar suas cargas e sejam restringidos de transitar em determinadas áreas do município.

Um anteprojeto de lei estava previsto na pauta da sessão sugerindo a forma que a administração municipal deveria regulamentar a situação, mas foi retirado da ordem do dia a pedido do próprio autor para que seja readequado ouvindo sugestões das categorias impactadas com a medida.

“Considerando o aumento do tráfego de veículos pesados na área urbana de Araranguá, o que acarreta problemas de segurança, congestionamentos e desgaste da infraestrutura viária, faz-se necessário buscar alternativas para minimizar tais impactos”, justificou o autor.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui