sexta-feira, 12 DE julho DE 2024
GeralGoverno do Estado irá fornecer internet para alunos e professores da rede...

Governo do Estado irá fornecer internet para alunos e professores da rede estadual acessarem atividades remotas

Publicidade

Alunos e professores de escolas estaduais poderão estudar e planejar as atividades do modelo remoto com internet cedida pelo Governo do Estado a partir do início do ano letivo, marcado para 18 de fevereiro. O anúncio foi feito pela Secretaria de Estado da Educação (SED), nesta quinta-feira, 11, no Instituto Estadual de Educação, em Florianópolis.

“Estamos comprometidos em garantir um retorno seguro às aulas. Nós entendemos que a escola tem que ser a extensão da família e precisa estar engajada nesse processo de cuidado. Com a internet, damos mais um passo para garantir que todos tenham acesso ao conteúdo cada vez mais inovador, seja em casa ou em sala de aula. Estamos aqui para apoiar o aprendizado desses estudantes e o trabalho dos professores, ainda mais essencial neste momento”, reforça o governador Carlos Moisés.

O investimento do Governo do Estado para adquirir pacotes de dados para acesso à internet pelo celular pode chegar a R$ 900 mil por mês. A iniciativa beneficia mais de 550 mil usuários, incluindo todos os professores e alunos da rede estadual, que poderão em algum momento estar inseridos no modelo de ensino misto ou 100% remoto.

“A possibilidade de usar a internet de forma gratuita para acessar as atividades remotas irá democratizar a volta às aulas em Santa Catarina. Como sabemos que no dia 18 não retornarão todos os alunos para o presencial, considerando que também temos os modelos de ensino misto e remoto, a internet patrocinada será uma importante ferramenta para a qualidade da educação catarinense neste ano”, destaca o secretário da Educação, Luiz Fernando Vampiro.

Com o contrato assinado com as operadoras de telefonia, será possível acessar de forma gratuita as ferramentas do “Google for Education”, incluindo o Google Sala de Aula e as plataformas de atividades, formulários, produção de textos, entre outras. Também será liberado o acesso gratuito ao Professor e Estudante On-line e ao site da SED.

“A educação na rede estadual é feita por todos, temos uma rede engajada de profissionais em todas as regiões e estamos investindo na formação e qualificação do nosso quadro de pessoal tanto no âmbito pedagógico quanto no que diz respeito às diretrizes do Plano de Contingência da Educação (PlanConEdu)”, reforça o secretário-adjunto da Secretaria de Estado da Educação, Vitor Balthazar.

Para ter o acesso gratuito às ferramentas educacionais, o aluno ou professor deve fazer o download no celular de um aplicativo que será disponibilizado nos próximos dias para a rede. Ao abrir o aplicativo, o usuário deve preencher os dados de login ao Estudante ou Professor On-line e poderá conectar-se gratuitamente com os links que estarão disponíveis na página.

Apresentação dos protocolos para a retomada das aulas

Nesta quinta-feira também foram apresentados como serão os protocolos adotados pelas escolas da rede estadual para a retomada das atividades em 18 de fevereiro. Houve medição de temperatura de todos na entrada da unidade, disponibilização de álcool em gel em totens e dispensers pela escola, uso obrigatório de máscara e distanciamento social na sala de aula.

O retorno às aulas na rede estadual está previsto em três modelos, que podem coincidir. Para as turmas em que é possível receber todos os alunos e manter o distanciamento entre as carteiras, o retorno será 100% presencial. Na maioria dos casos, as turmas serão divididas em subgrupos que alternam entre atividades presenciais e remotas no regime híbrido. E para alunos e professores do grupo de risco, ou estudantes cujos pais optarem por manter o filho em casa, haverá a continuidade do modelo 100% remoto.

“Estamos garantindo uma retomada presencial segura, baseada em três pilares: estrutura física, de pessoal e equipamentos de proteção individual. Se em alguma escola essas três condições não forem atendidas, naquela unidade o retorno será no modelo remoto. Por isso a ampliação do 0800 644 7890, que funcionará das 7h até 19h, um canal aberto com a comunidade escolar para que possamos ter uma solução rápida para sanar os possíveis problemas”, explicou Luiz Fernando Vampiro.

Para garantir a segurança do retorno presencial, a SED investiu mais de R$ 8 milhões em máscaras, termômetros digitais e álcool em gel, além de totens e dispensers, que já foram entregues às escolas. As medidas para o retorno estão estabelecidas no decreto 1003/2020 e na portaria 983/2020, que tem como base o Plano de Contingência para a Educação, documento construído em conjunto por mais de 15 entidades e que detalha os protocolos para a retomada das atividades presenciais.


spot_img
spot_img

Matérias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.