Homem condenado a 32 anos por estupro de vulnerável é preso em Tubarão

Publicidade

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal de Tubarão, prendeu um homem condenado a 32 anos de prisão pelo crime de estupro de vulnerável. Ele recebeu a sentença por ter, em 2020, abusado sexualmente de sua enteada de 12 anos (à época dos fatos).

O homem foi capturado no bairro Humaitá de Cima, em Tubarão, e conduzido à sede da DIC de Tubarão. Após os procedimentos de Polícia Judiciária, o preso foi encaminhado ao Presídio Regional de Tubarão, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

A prisão contou com o apoio do Departamento de Polícia Penal de Santa Catarina.

Publicidade

 

OCPNEWS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui