Homem é sequestrado em Araranguá e abandonado em Balneário Gaivota

Homem ainda teve carro, dinheiro e pertences roubados. Ele foi amarrado e jogado dentro do próprio carro, em Araranguá, e abandonado na praia de Areias Claras, em Balneário Gaivota

Araranguá

Balneário Gaivota

Na manhã de terça-feira, dia 6, a Polícia Militar foi acionada para atender um homem, vítima de sequestro e assalto em Araranguá. Há cinco meses o homem dorme no carro, em frente à oficina onde trabalha, no bairro Mato Alto e, na noite de segunda-feira, dia 5, foi acordado por dois homens portando lanterna e uma faca.

A vítima contou que na noite do crime havia dado carona para uma mulher e voltado ao local onde costumava dormir. Após os criminosos o abordarem, o homem teve os braços e as pernas amarrados e foi jogado entre o banco de trás e da frente do próprio veículo, de joelhos no chão e coberto por roupas e cobertas. Segundo a vítima, durante o trajeto, os criminosos pararam o carro e pediram informação de onde ficava Balneário Gaivota.

O homem foi abandonado na praia de Areias Claras, em Balneário Gaivota, tendo seu carro, um Lifan 620 de cor bege, R$ 450,00, documentos pessoais, roupas e demais pertences roubados.

Por volta das 13 horas de terça-feira, a Polícia Militar de Balneário Gaivota recuperou o veículo roubado em Araranguá. Uma guarnição realizava rondas pela rodovia Prefeito José Tiscoski, na Lagoa de Fora, quando cruzou no sentido oposto com o Lifan. A guarnição iniciou acompanhamento tático, mas o motorista não acatou as ordens de parada. Próximo da ponte o carro foi abordado e no interior estavam um homem e uma mulher.

Para a polícia, o motorista informou ter comprado o veículo por R$ 20,00. Os militares acionaram apoio de outras guarnições e se dirigiram até um imóvel, localizado na rua W3. No pátio da residência foi localizada a mochila de roupas da vítima. Com a autorização do proprietário do imóvel para a entrada dos militares no local, ainda foram encontrados os documentos pessoais da vítima, cobertor e roupas.

Três homens, que estavam na casa foram detidos. Todos os envolvidos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil para que os procedimentos cabíveis fossem tomados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui